Informe Publicitário

Pontal do Paraná realiza novo processo licitatório para obra no calçadão em Praia de Leste

Descumprimento do contrato foi motivo para nova licitação

Aconteceu esta manhã (7), na sala de licitações da Prefeitura de Pontal do Paraná a abertura dos envelopes contendo as propostas das empresas habilitadas para novo processo licitatório de tomada de preços para contratação de mão de obra especializada para execução da revitalização de Calçadas da Orla de Praia de Leste, obra realizada por meio de um convênio com o Ministério do Turismo.

Esteve presente para a abertura do envelope somente o representante da empresa Litopav Construções Ltda, que também foi a vencedora do processo, apresentando o valor global de R$ 389.559,47. A outra empresa concorrente foi a A.P.N Engenharia Ltda EPP, que apresentou o valor global de R$ 391.482,73.

“Por tratar-se de um processo licitatório a empresa vencedora, além de atender todos os requisitos necessários, também presidente da comissão de Licitação.

A obra de revitalização da Orla de Praia de Leste foi iniciada no primeiro semestre de 2016, e ficou paralisada devido ao não cumprimento do contrato pela empresa vencedora do primeiro processo licitatório.

“Como a empresa que iniciou a obra não deu continuidade no trabalho, tivemos que cancelar o contrato, e realizar novo processo”, contou o secretário municipal de Obras, Aramis Calixto.

Com esse cancelamento, a empresa que iniciou a obra fica impossibilitada de concorrer a novas licitações dentro do município pelo período de dois anos.

A partir de agora, a empresa considerada habilitada, Litopav, possui prazo para entregar a documentação complementar para assinatura do contrato.

“Já comunicamos a Litopav que após a homologação do contrato as obras devem ser reiniciadas em caráter de urgência evitando maiores transtornos para moradores e veranistas”, concluiu o secretário.

Anúncios

Plantão Policial

Funcionária do Samu perde a vida em acidente de trânsito na BR-277

Ela era funcionária do Cislipa, em Pontal do Paraná. Fato aconteceu as 15h00 desta quarta-feira, dia 7, em Morretes

Vítima identificada como Andressa Martins dos Santos, 26 anos, filha do empresário Carlinhos Eletricista do Grajaú, morreu em trágico acidente de Trânsito, ocorrido as 15h00 desta quarta-feira, dia 7. De acordo com informações da Polícia Rodoviária Federal que atendeu o local do acidente, o carro que a jovem dirigia teria saído da pista, capotou e atravessou o canteiro central da Br-277, vindo a bater contra um caminhão/carreta que trafegava no sentido contrário. A referida carreta atingiu a lateral direita do veiculo, jogando-o novamente no cantoneiro central. A vítima foi encaminhada ao Hospital Regional, mas não resistiu . Andressa voltava de Morretes. Ela dirigia o veiculo do Cislipa e teria ido a trabalho do Consórcio Intermunicipal de Saúde do Litoral.
O fato já causa grande comoção entre os colegas de trabalho, familiares e amigos. Segundo informações, antes da viagem ela despachou com o prefeito Edgar Rossi, onde colheu assinaturas dos documentos no gabinete do prefeito. Ela foi até Morretes e na volta aconteceu o lamentável e trágico acidente.

Nota de Falecimento

É com pesar que noticiamos o falecimento de Gervásio Gil, ocorrido nesta terça-feira, dia 6, no Pronto Atendimento 24 horas de Praia de Leste. Velório acontece na Associação da Avapar, em Ipanema, a partir das 21h00 desta noite. O corpo sairá da Avapar amanhã as 13:30. Sepultamento no cemitério municipal, em Pontal do Sul. À família enlutada, os nossos pêsames.

Plantão de Notícias

Audiência Pública do Plano Diretor foi realizada na Comunidade Maciel, em Pontal do Paraná, litoral do estado

Prefeito eleito de Pontal do Paraná, o ex-vereador Marcos Casquinha, e o vice Fábio de Oliveira participam da consulta popular na comunidade do Maciel

Fato foi registrado ontem durante a Audiência Pública do Plano Diretor na distante Comunidade Maciel. Os vereadores eleitos Baiano, Sene, Polaco e Binho, também, acompanharam os trabalhos. A  atual vereadora Cleonice e o atual vereador André Camargo estiveram presente. O futuro secretário de Recursos Naturais Udo Leto e o assessor de imprensa Henrique Gonzales foram recebidos pelos moradores daquela distante comunidade. De acordo com informações, caso não seja embargado novamente pela Justiça, o Plano Diretor de POntal do Paraná poderá ser homologado pelo Colit ainda este ano. Quem viver, verá!!
Foto de Marcelino Akyo Kobata.

ENCONTRO DE PREFEITOS

https://i2.wp.com/www.aen.pr.gov.br/modules/galeria/uploads/49032/IMG_5216.JPGPrimeiras-damas e gestoras conhecem ações do Estado na área da assistência social

https://i0.wp.com/www.aen.pr.gov.br/modules/galeria/uploads/49032/IMG_5217.JPGPrimeiras-damas e gestoras municipais de assistência social que assumirão o cargo em 2017 foram recebidas nesta quinta-feira (01/12), na sede da Secretaria de Estado da Família e Desenvolvimento Social, instalada temporariamente em Foz do Iguaçu. Elas participam do Encontro de Líderes Públicos, evento promovido pelo Governo do Estado e o Sebrae-PR, com o objetivo de apoiar os prefeitos no planejamento dos primeiros dias de administração e apresentar programas do Estado que podem ser implementados nos municípios.

A reunião foi conduzida pela coordenadora do programa Família Paranaense, Letícia Reis, que apresentou alguns dos programas, serviços e ações desenvolvidas pela secretaria, que é responsável pelas políticas de assistência social e de garantia de direitos no Paraná.“Os novos gestores e suas equipes estão conhecendo toda a estrutura de apoio que o Governo do Estado, por meio da Secretaria da Família, oferece para auxiliá-los na nova administração,” disse ela.

A prefeita eleita de Roncador, Marília Perotta Bento Gonçalves, disse que gostou muito da explanação, que complementou as informações recebidas durante sua visita ao estande da secretaria, montado para atender os participantes do evento.

“O que mais chamou atenção foi o atendimento feito pela Van Itinerante, além das demais ações que o programa oferece no resgate das famílias que mais precisam”, disse ela, referindo-se ao veículo adaptado que faz o atendimento às famílias que vivem em comunidades distantes ou isoladas, como quilombolas, indígenas e rurais.

ATENDIMENTO – Também foram atendidos no gabinete da secretaria as prefeitas de Farol, Angela Kraus; de Altamira, Elza Aparecida da Silva Aguiar; os prefeitos eleitos de Pitanga, Maicol Rodrigues Barbosa; de Fênix, Neno Molina; e de Cafelândia, Estanislau Mateus Franus, além de gestores municipais de Leópolis e Santa Mariana.

PARCERIA – Em cinco anos, a Secretaria da Família e Desenvolvimento Social investiu mais de R$ 1 bilhão em ações para o atendimento às famílias em situação de risco e vulnerabilidade social e nas políticas de garantia de direitos. Todas as ações são desenvolvidas em parceria com os municípios, que recebem capacitações, incentivos financeiros e apoio técnico para a gestão e execução da política de assistência social. Desde 2011, o Governo do Paraná repassou R$ 50 milhões para 360 prefeituras do Estado investirem na política de assistência social, além de oferecer 50 mil vagas em capacitações para as equipes técnicas.

Plantão de Notícias

Está pronto o Estudo de Impacto Ambiental que permitirá a construção da nova rodovia entre Praia de Leste e Pontal do Sul, em Pontal do Paraná, litoral do estado

A Prefeitura de Pontal do Paraná, através da Secretaria Municipal de Obras recebeu do governo do Paraná cópia completa do projeto de Estudo de Impacto Ambiental -EIA- bem como Relatório de Impacto Ambiental – RIMA_ referente ao empreendimento da Faixa de Infraestrutura, no município, ou seja, a tão sonhada e esperada construção da Rodovia que irá Ligar Praia de Leste a Pontal do Sul, no município de Pontal do Paraná, litoral do estado.
O valioso documento foi assinado por José Richa Filho, atual secretário de Estado de Infraestrutura e Logística, conforme oficio encaminhado ao senhor Aramis Calixto, secretário municipal de obras de Pontal do Paraná.

O Departamento de Estradas de Rodagem do Paraná (DER-PR) investiu mais de R$ 8 milhões na contratação dos projetos executivos e do estudo ambiental da faixa de infraestrutura entre a PR 407 e Pontal do Sul. A faixa de infraestrutura vai orientar os futuros projetos executivos para a construção da nova ferrovia entre Maracaju/Paranaguá/ Pontal do Paraná e das implantações das redes elétrica e de gás, além de drenagem e saneamento.

“Esta obra vai modernizar a infraestrutura do Litoral, ajudar na urbanização dos balneários e promover o desenvolvimento, permitindo a atração de investimentos na região, criando empregos e renda aos moradores do Litoral”, disse o secretário estadual de Infraestrutura e Logística, José Richa Filho. O secretário explica que a nova faixa de infraestrutura vai ajudar também a proteger áreas de preservação da Mata Atlântica da região litorânea. A previsão é investir mais de R$ 200 milhões na construção da rodovia e na modernização do canal.

FAIXA DE INFRAESTRUTURA – A nova faixa de infraestrutura terá 23,2 quilômetros de comprimento, entre o entroncamento da PR 407 (Alexandra-Matinhos) e Ponta do Poço, em Pontal do Paraná. A faixa terá cerca de 220 metros de largura, ficando entre a área de proteção ambiental e o antigo canal da Suderhsa. Dentro da faixa serão construídas a nova rodovia, um ramal ferroviário, gasoduto, rede elétrica, o canal de drenagem e redes de saneamento.

“De forma moderna, o Estado usa a faixa de infraestrutura para impedir o avanço às áreas ambientais e também junta em um só ponto – distante das áreas de balneários – evitando a ocupação urbana da cidade ao longo da rodovia e da ferrovia”, disse Richa Filho. Com o Estudo Ambiental da faixa de infraestrutura, ficam também definidos critérios ambientais para a elaboração dos projetos executivos da ferrovia, rede de alta-tensão, gasoduto e rede de saneamento.

Informe Publicitário

EM FOZ DO IGUAÇU

Prefeitos eleitos conhecem soluções de inovação tecnológica

https://i1.wp.com/www.aen.pr.gov.br/modules/galeria/uploads/49006/31224751091_2c00005add_k.jpgA oficina 1 do primeiro dia de trabalho do Encontro de Prefeitas e Prefeitos Eleitos do Paraná – Gestão 2017-2020, aberto na tarde desta quarta-feira (30), em Foz do Iguaçu, esteve a cargo da Companhia de Tecnologia da Informação e Comunicação do Paraná (Celepar) trabalho realizado em conjunto com a Secretaria para Assuntos Estratégicos (SEAE), tendo como tema “A importância do governo eletrônico na administração municipal: melhoria da gestão pública e prestação de serviços ao cidadão na internet”.

O secretário para Assuntos Estratégicos, Flávio Arns, destacou a importância de boas parcerias para que os prefeitos possam administrar seus municípios, “além de uma gestão pautada no diálogo nos três níveis de governo e, principalmente, com a população”.

Arns falou também sobre a necessidade dos prefeitos implantarem bons sistemas de informação para o planejamento e o acompanhamento de ações diárias da gestão pública.

https://i2.wp.com/www.aen.pr.gov.br/modules/galeria/uploads/49006/31339501175_9b6fe12ed7_o.jpgINTELIGÊNCIA – Por meio de seus 900 sistemas corporativos, a Celepar atende a administração pública estadual, e esta experiência a companhia está levando aos municípios paranaenses. “Na prática, queremos que cada prefeito administre sua cidade tendo todas as informações na palma da mão”, disse o presidente Jacson Carvalho Leite, na conversa que manteve com os prefeitos e vice-prefeitos eleitos durante a oficina.

Em função do controle que a sociedade exerce sobre os gestores públicos, as gestões municipais, de acordo com Leite, precisam estar estruturadas em sistemas de inteligência que permitam a transparência dos atos administrativos. Um exemplo citado por ele é o Governo Eletrônico em Números, painel elaborado pela Celepar que apresenta, em tempo real, os serviços públicos que o Estado presta à população paranaense, resultados dos quase 600 estudos de Business Intelligence (BI1s) desenvolvidos pela companhia para toda a administração estadual.

Jacson Leite apresentou a Loja da Celepar, área vinculada à diretoria de Mercado, voltada para atender exclusivamente as prefeituras. Nela, como explicou o presidente, são ofertadas cerca de 20 soluções destinadas ao planejamento e modernização da gestão pública municipal.

Entre os produtos oferecidos pela companhia, estão, entre outros, os sistemas de Gestão Integrada de relacionamento, Gestão Integrada de Trânsito, Manutenção de Frotas, Gestão de Recursos Humanos, Prefeituras 156, Documentador, Gestor de Sites, Gestão Hospitalar e Ambulatorial, Portal de Transparência dos Municípios e o Sigo, ferramenta que permite o gerenciamento das reivindicações da população (www.lojadacelepar.pr.gov.br).

Nos últimos dois anos, como explicou Jacson Leite, a Celepar vem desenvolvendo um trabalho mais efetivo voltado aos municípios para que as soluções de tecnologia da informação e comunicação adotadas pelo Governo do Estado também estejam disponíveis aos prefeitos.

“Quanto mais moderna for a gestão pública, quer estadual ou municipal, melhores serão os serviços públicos recebidos pelos cidadãos. Trabalhamos para que a tecnologia esteja voltada à melhoria contínua da qualidade de vida da população”. https://i2.wp.com/www.aen.pr.gov.br/modules/galeria/uploads/49006/30532042823_5eeb2d25ce_o.jpg

CIDADANIA DIGITAL – O secretário Flávio Arns falou sobre o Espaço Cidadão, centros de inclusão digital, de aperfeiçoamento profissional e democratização do conhecimento e serviços do Governo, além do Rede 399 – internet para todos, programa que incentiva a instalação de internet banda larga em cada município do Estado.

Plantão de Notícias

Ki-suco ferveu na susposta compra de votos em Campo Magro

Vereador  Gordo está na mira da Polícia Federal

De acordo com informações, o vereador Adeison Gordo, de Campo Magro, Região Metropolitana de Curitiba, é investigado por suposta compra de votos.
Por isso, Ministério Público Eleitoral solicitou e o Juiz Eleitoral Comarca de Tamandaré acatou o pedido de encaminhamento de copias do processo para que a Polícia Federal apure a denúncia.
O vereador é acusado de cometer crime eleitoral na eleição passada.
Ele também está respondendo outras duas representações eleitorais sob números: 000846-77.2016.6.16.0171 e 0000755-84.2016.6.16.0171 por denuncias de supostas práticas de captação ilícita de sufrágio e abuso de poder econômico.
Confira na íntegra o parecer do Ministério Público e a decisão do Juiz Eleitoral de Almirante Tamandaré.
Ironicamente, o município de Campo Magro foi criado no mesmo ano que Pontal do Paraná, onde a Polícia Federal também realiza minuciosa investigação contra o prefeito e vereadores eleitos na última eleição. O fato já está chamando atenção da grande mídia do estado.

Plantão Policial

PM faz operação em Pontal do Paraná e aborda mais de 400 pessoas durante fim de semana

A Ação Integrada de Fiscalização Urbana (AIFU) da Polícia Militar do Paraná está fazendo ações no Litoral do estado em preparação a Operação Verão para inibir o cometimento de contravenções penais e garantir mais tranquilidade aos moradores litorâneos. Entre sexta-feira (18) e domingo (20) as equipes policiais do grupo atuaram em Pontal do Paraná, onde abordaram mais de 400 pessoas que resultaram em três encaminhamentos.

Em três dias de operação, sob comando do Chefe do Centro de Operações Policiais Militares (COPOM) e Coordenador da AIFU, major Olavo Vianei Francischett Nunes, os militares estaduais fizeram 424 abordagens a pessoas e vistoriaram 17 veículos. Também foram fiscalizados 19 estabelecimentos comerciais, mas outros 21 encontravam-se fechados. O emprego das equipes policiais resultou ainda na lavratura de 51 autos de infração de trânsito.

Segundo o major Vianei, a operação foi focada nos estabelecimentos comerciais que potencialmente podem originar ocorrências. Foram ações de cunho preventivo, orientando os comerciantes quanto ao prazo para regularizar pendências e outras questões. Também sobre a exploração do uso de som, da importância de observar a legislação ambiental, enfim, fazer com que esses locais possam oferecer produtos de qualidade e segurança aos seus clientes, principalmente na temporada de verão.

Os policiais militares fizeram patrulhamento ostensivo, incluindo abordagens, vistorias e policiamento na orla marítima. As ações visaram trazer mais segurança aos moradores e turistas nos balneários de Pontal do Paraná durante o final de semana, período de maior circulação de pessoas. Os trabalhos também fazem parte de ações de preparação para a temporada de verão.

Durante o atendimento de ocorrências, houve o encaminhamento de três pessoas. Em um desses casos, os policiais militares abordaram uma distribuidora em Praia de Leste e encontraram diversos tipos de fogos de artifício, armazenados de maneira irregular. O proprietário do estabelecimento não possuía licença para comercializar os produtos e foi encaminhado a sede do Pelotão da PM em Pontal do Paraná para as medidas cabíveis.

O trabalho da AIFU é uma prevenção para a Operação Verão, que inicia-se em dezembro, no sentido de orientar os comerciantes sobre a importância de respeitar a legislação, e também de prevenção à criminalidade por meio do policiamento ostensivo. A atuação desse grupo em situações de perturbação de sossego é essencial e influencia na repressão de outros crimes, a fim de que a temporada de verão seja mias segura para todos.

As ações devem continuar nas próximas semanas, inclusive o trabalho de inteligência que visa identificar pessoas envolvidas com tráfico de drogas, armas e outras práticas ilícitas. As operações já alcançaram diversos balneários e resultaram em encaminhamentos e apreensões de materiais.